Resenha: Chalet Girl (2011)

tumblr_mxci9nyvpb1r80xjoo1_1280

Título: Chalet Girl
Direção: Phil Traill
Ano: 2011
Elenco: Felicity Jones, Ed Westwick, Tamsin Egerton
Duração: 96 minutos
* disponível no Netflix

Para quem acompanhava Gossip Girl, que teve seu fim em 2012, depois de 6 incríveis temporadas, sabem que milhares – se não milhões – de garotas morreram de amores pelo Ed Westwick, o Chuck Bass. A verdade é que o motivo pelo qual quis muito assistir a Chalet Girl é que o Ed atua nele. ❤ mas a história não fica para trás não! É sensacional, com uma fotografia incrível e o roteiro muito bem escrito, apesar e ter sentido falta de aprofundamento em várias cenas.

A skatista Kim Matthews vai parar no mundo dos esportes de montanha, um ambiente estranho à primeira vista… até ela experimentar o snowboard.

* sinopse bem bosta retirada do Netflix.

A história se passa na Inglaterra e começa contando sobre Kim e um talento incomum que ela tem: é uma skatista de primeira. Ganhou diversos prêmios e campeonatos na sua adolescência, mas depois da morte da sua mãe, sua vida muda completamente e se resume em basicamente não deixar seu pai passar fome. É aí que uma oportunidade de um emprego melhor surge… na Áustria.

Kim é chamada para ser a “garota do chalé”. Seu trabalho é cuidar do chalé de uma família rica junto de Georgie, uma roommate muito folgada, mas que ajuda muito Kim. Além disso, Kim conhece Mikki, um finlandês que está na Áustria para um campeonato de snowboarding, e que o esporte à Kim. Adendo: ele a chama e Bettie Boop e tem um sotaque lindo! O sotaque todo desse filme é lindo!!!

tumblr_npv2ne4bmb1raqj6fo4_250

Johny é um dos donos do chalé que Kim foi contratada para trabalhar, e é claro que se você tem mais de 15 anos já sabe que em comédias românticas os protagonistas sempre ficam juntos. Não poderia ser diferente aqui, mas todo o mimimi me deixou super emotiva… às 4h da manhã.

tumblr_n5dnnfdjj01twhmiio1_500

Kim começa a levar a sério toda essa vida longe da responsabilidade de ter que cuidar do pai. Ela também decide começar a praticar snowboarding a sério para entrar na competição do prêmio de R$25 mil dólares. É incentivada por Georgie, Mikki e até Johny, que decide tentar aprender também, mas fuéin – porém fofo.

tumblr_npv2ne4bmb1raqj6fo6_250

Kim me representa nas horas vagas

Mesmo compromissado, Johny acaba passando uma temporada sem a família e a companheira no chalé, e é a deixa perfeita para se aproximar de Kim. Claro que os dois acabam se envolvendo, e, sério, parabéns aos roteiristas, aos cinegrafistas, a todos os envolvidos. Eu me derreti toda de tanto amor!

tumblr_n4g7kkce641sky5w7o8_400

own! ❤

Minha única observação negativa é que acho que a história dos dois poderia ter sido melhor explorada e aprofundada, mas reconheço que esse não era o foco da história toda, e sim a superação da Kim em voltar a praticar um esporte, mesmo que não seja o skate. Ela passar por umas barras, mas a moral da história é mostrar que só seguimos em frente se superamos algo do passado. O filme todo tem aquele humor britânico que eu adoro, sarcástico e irônico. Vale muito a pena assistir!

twitter · facebook · snapchat @danigmde · instagram · portfólio · skoob

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s